Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A Mensageira

por Santiago Miral, em 13.09.20

aluna_professora.jpg

Manhã cedo, caminhando para a escola, me chegou do outro lado da rua:

- Ei, menina, você me faz um favor?

- Oi, seu Agenor. O que o senhor quer? – Seu Agenor era um homem que morava no fim da rua, mesmo no início da subida para o Morro Brabo. A gente do bairro dizia que ele era um policial que se aposentou porque fora baleado, por isso mancava um pouquinho. Tirando isso era um senhor bem charmoso.

- Você se importa de entregar essa carta aqui a sua professora? – Pediu ele, sorrindo, enquanto estendia na minha direcção um envelope fechado.

- Pois não, seu Agenor, entrego sim. – Respondi, enquanto pegava aquele envelope lindo, tão verdinho que fazia lembrar uma nota de cinco cruzeiros. Transportar um envelope fechado em sua própria mão desperta uma tal inquietação que preenche todos os seus pensamentos. Um envelope fechado encerra sempre um mistério - mesmo quando se sabe, ou se pensa saber, o seu conteúdo. No final de contas, é como um ovo de araponga, delicado e vulnerável, cujo conteúdo se conhece somente depois de abrir, revelando assim ser uma delícia ou uma desilusão.

Entre os vários cenários que imaginei (sou uma menina bem romântica, porém honesta demais para bisbilhotar), havia um que era bem óbvio: seu Agenor estava apaixonado pela professora Juracema. “Embora ele fosse mais velho, faziam um par bem bonito”, pensei.

Chegando à escola, corri para a professora, sorridente, como quem transporta uma carta de amor de um admirador secreto (hoje eu nao tinha a mínima dúvida). Que bom era ser a mensageira de tão feliz notícia.

- Professora – gritei -, esse envelope é para você. É de seu Agenor. – E com este remate, fiz questão de desfazer todo o secretismo.

A professora abriu lentamente o envelope e seus lábios principiaram a sorrir. “Ela também gosta de seu Agenor”, pensei.

Olhando para mim, D. Juracema falou:

- Obrigada pela carta, Maria. Meu pai é realmente um querido, não é mesmo? Está me convidando para jantar com ele na próxima sexta-feira.

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D